WILLIAN CARDOSO É O MAIS NOVO REFORÇO BRASILEIRO NA ELITE 2018

A foto do dia vai para o catarinense Willian Cardoso! Depois de bater na trave diversas vezes,  finalmente ‘Panda’, como é conhecido, conquistou de vez o direito de competir no World Championship Tour na próxima temporada.

Em três ocasiões, em 2011, 12 e 13, circunstâncias fizeram com que ele não se classificasse para divisão principal. Mas agora não tem como errar, o catarinense de 31 anos já pode falar que estará na elite do surf mundial em 2018.

Foto: Heff/WSL.

GARRA E PERSISTÊNCIA ATRÁS DO SEU SONHO

Uma crise de falta de patrocinadores quase fez Willian Cardoso abandonar o surf profissional no ano passado, mas sua persistência e a indicação de que ele era capaz de realizar o grande sonho ao ser vice-campeão na etapa de Ballito, lhe deram uma nova chance que, desta vez, ele não desperdiçou.

Dono de um power surf agressivo e sabendo também atacar com aéreos quando necessário, ‘Panda’ é um dos surfistas mais perigosos dessa nova leva e se une agora a nomes como Gabriel Medina, Adriano de Souza, Filipe Toledo na estrelada seleção verde-amarela de surf, que também vai contar com o reforço de Jessé Mendes e Yago Dora, já na lista dos garantidos do QS na elite em 2018.

'Panda', como é conhecido na comunidade do surf, feliz com a vaga na elite 2018. Foto: Heff/WSL.

‘Panda’, como é conhecido na comunidade do surf, feliz com a vaga na elite 2018. Foto: Heff/WSL.

“Estou muito feliz em ter conquistado esse sonho que por muitas vezes pareceu que nunca fosse ser realizado. Mal posso esperar para ver meu nome na lista de confrontos da primeira rodada em Gold Coast”, falou Willian, logo após ter garantido o resultado durante a terceira rodada do Hawaiian Pro, que está rolando nesta semana.

O surfista catarinense, que segue na disputa pela taça do Hawaiian Pro, finaliza: “Já tinha vivido essa situação antes, de ter chegado aqui com chances e não ter me classificado. Não foi fácil. Após todos esses anos ralando, todo mundo me ajudou. Depois de 12 anos no QS, após perder meu patrocinador, consegui esse resultado tendo muita gente por trás de mim, como minha família, que sempre me ajudou muito para realizar este sonho!”

Parabéns Willian! E boa sorte no World Championship Tour 2018!