OS QUE OS TOPS ESTÃO FAZENDO NA FOLGA PROLONGADA NA FRANÇA

A expectativa é grande pela chegada de um novo swell na França! Próxima chamada só acontece amanhã, quinta-feira, às 03:00 horas pelo horário de Brasília. Enquanto isso, saiba o que os tops andam aprontando nesses dias de folga!

As disputas da nona parada do Circuito Mundial seguem adiadas em Hossegor. A WSL aguarda a chegada de um novo swell no sudoeste da França para começar as baterias da primeira fase do masculino e dar sequência nos confrontos do feminino, com as semifinais. A australiana Sally Fitzgibbons enfrenta a havaiana Carissa Moore na primeira bateria, e sua compatriota Lakey Peterson pega pela frente a norte-americana Tyler Wright na sequência.

Uma próxima chamada só acontece amanhã, quinta-feira, às 03:00 horas pelo horário de Brasília. Enquanto isso, saiba o que os tops andam aprontando nesses dias de folga na França! (Foto em destaque: Poullenot/WSL)

Free surf corre solto na França: 

Os campeões mundiais Gabriel Medina e John John Florence, e outros tops aquecendo as turbinas:

Um pouco do que podemos esperar do atual número 1 Jordy Smith na França:

E o que esperar de Filipe Toledo:

Medina arrepia durantes as folgas em Hossegor:

 Hossegor, um dos melhores spots de surf do mundo:

A expectativa é grande pela chegada de um novo swell na França:

 Não perca os confrontos do Quiksilver Pro e Roxy Pro direto da França ao vivo, clicando aqui.


 

BRASILEIRA ESTREIA COM RECORDES, MAS NÃO TEM SORTE NO SEGUNDO DIA E DÁ ADEUS AO TÍTULO NA FRANÇA

A brasileira Silvana Lima está fora da briga pelo título na França. Foto: Poullenot/WSL.

No primeiro dia de janela do evento, sábado, 07 de outubro, apenas as mulheres caíram na água. Única representante feminina no Tour este ano, a cearense Silvana Lima estreou com vitória na terceira bateria e fez os recordes do Round 1, com nota 8,93 e 16,26 pontos, em cima da atual número 1 Sally Fitzgibbons, avançando direto para a terceira fase.

Já no segundo dia dos duelos no feminino, Silvana não teve a mesma sorte. Ela não conseguiu aproveitar as duas chances de passar para as quartas de final e terminou em nono lugar no Roxy Pro France. A cerarense agora volta ao Brasil para ser a principal atração do Neutrox Weekend, nova etapa do WSL Qualifying Series, que será disputada entre os dias 20 e 22 na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro.

Semifinais do feminino prometem pegar fogo! Quem será que vai continuar na briga pelo caneco? 

EXPECTATIVA AGORA SEGUE PELO PÓDIO ENTRE O TIME VERDE-AMARELO MASCULINO EM HOSSEGOR

Wiggolly Dantas. Foto: Poullenot/WSL.

Wiggolly Dantas estreia na terceira bateria do Round 1. Foto: Poullenot/WSL.

O início do Quiksilver Pro France foi adiado no primeiro dia do evento, com o sábado ficando só para as meninas competirem em Hossegor.

O campeão mundial Adriano de Souza está escalado na primeira bateria, com o norte-americano Conner Coffin e o australiano Stu Kennedy.

Depois tem Wiggolly Dantas entrando na terceira com Matt Wilkinson e o também australiano Josh Kerr. Na seguinte, mais um paulista, Caio Ibelli, disputa a quarta vaga direta para a terceira fase com outros dois australianos, Julian Wilson e Ethan Ewing.

Medina pega pela frente dois franceses na oitava bateria. Foto: Poullenot/WSL.

Medina está escalado na oitava bateria. Foto: Poullenot/WSL.

Na quinta bateria, estreia o campeão mundial John John Florence junto com o também havaiano Keanu Asing, campeão do Quiksilver Pro France no ano passado, e o potiguar Ítalo Ferreira.

Na sétima tem Brasil em dose dupla, com Filipe Toledo e Miguel Pupo contra o francês Joan Duru. Gabriel Medina entra na seguinte com dois surfistas que moram na França, o francês Jeremy Flores e o italiano Leonardo Fioravanti.

Depois na décima bateria tem o potiguar Jadson André com o australiano Connor O´Leary e o havaiano Sebastian Zietz. E o pernambucano Ian Gouveia entra na seguinte com o português Frederico Morais e o tricampeão mundial Mick Fanning. Nesta primeira rodada, os vencedores das baterias avançam direto para a terceira fase, mas os perdedores têm outra chance de classificação na repescagem.

Na sétima duelo da primeira fase tem Brasil em dose dupla.Filipe Toledo enfrenta o compatriota Miguel Pupo e o o francês Joan Duru. Foto: Poullenot/WSL.

SEMIFINAIS DO ROXY PRO FRANCE:

1.a: Sally Fitzgibbons (AUS) x Carissa Moore (HAW)

2.a: Tyler Wright (AUS) x Lakey Peterson (EUA)

PRIMEIRA FASE CLASSIFICATÓRIA DO QUIKSILVER PRO FRANCE:

1.a: Adriano de Souza (BRA), Conner Coffin (EUA), Stu Kennedy (AUS)

2.a: Owen Wright (AUS), Bede Durbidge (AUS), Nat Young (EUA)

3.a: Matt Wilkinson (AUS), Wiggolly Dantas (BRA), Josh Kerr (AUS)

4.a: Julian Wilson (AUS), Caio Ibelli (BRA), Ethan Ewing (AUS)

5.a: John John Florence (HAW), Italo Ferreira (BRA), Keanu Asing (HAW)

6.a: Jordy Smith (AFR), Kanoa Igarashi (EUA), Marc Lacomare (FRA)

7.a: Filipe Toledo (BRA), Joan Duru (FRA), Miguel Pupo (BRA)

8.a: Gabriel Medina (BRA), Jeremy Flores (FRA), Leonardo Fioravanti (ITA)

9.a: Joel Parkinson (AUS), Michel Bourez (TAH), Jack Freestone (AUS)

10: Connor O´Leary (AUS), Sebastian Zietz (HAW), Jadson André (BRA)

11: Frederico Morais (PRT), Mick Fanning (AUS), Ian Gouveia (BRA)

12: Kolohe Andino (EUA), Adrian Buchan (AUS), Ezekiel Lau (HAW)