DAVIZINHO LEVA EXEMPLO DE GARRA E DETERMINAÇÃO PARA INSTITUTO MEDINA

Davizinho Radical leva exemplo de garra e determinação para os alunos do Instituto Gabriel Medina na Praia de Maresias.

Davizinho Radical em ação com Gabriel Medina. Foto: Marcio Canavarro.

Com sua garra, determinação e, claro, muita simpatia, Davi Teixeira, mais conhecido como ‘Davizinho Radical’, alegrou o Instituto Gabriel Medina (IGM). Nesta última segunda-feira, ele visitou a sede do projeto e aproveitou para treinar com a garotada. Nadou, fez aula de tecnologia, interagiu, curtiu…

Davizinho comemorando conquista do título em 2016. Foto: Ana Catarina Teles.

Davi comemorando conquista do título em 2016. Foto: Ana Catarina Teles.

“Queria muito vir conhecer aqui há muito tempo. É um grande incentivo ao surf, um exemplo”, vibrou o campeão mundial de surf adaptado pela ISA, em 2016. Já no ano passado, Davi e tornou vice-campeão em sua categoria no ISA World Adaptive Surfing 2017.

Ele aproveitou as férias escolares e pediu para a mãe, Denise, para conhecer o IGM. Animado, Davizinho conversou com os atletas, participou da aula de tecnologia no Tech Lab Microsoft e também de um treino de natação, orientado pela professora Patrícia.

“Foi muito legal! Adoro tecnologia! Todo mundo me recebeu muito bem. Quero voltar várias vezes aqui”, falou davi Teixeira, um grande exeplo de garra e determinação no surf brasileiro.

“Eu comecei a surfar por ouvir as histórias da minha mãe, que era surfista e por ver os filmes do Gabriel Medina. Sou super fã e me espelho muito nele. Desde a inauguração, ele já queria vir. O pessoal da Oi também falou do IGM e agora surgiu a oportunidade, falei com a Simone (Medina), que na hora abriu as portas para a gente. Foi fantástico para ele”, complementou Denise, mãe do atleta.

Davizinho com os alunos do Instituto Gabriel Medina e Charles Saldanha em Maresias. Foto: Aleko Stergiou.

Instalado na Praia de Maresias, em São Sebastião, exatamente onde Gabriel Medina aprendeu a surfar quando criança, o IGM foi inaugurado no dia 31 de janeiro de 2017. O Instituto é o sonho realizado do primeiro brasileiro campeão mundial de surf, que oferece para jovens talentos do surf a mesma estrutura de preparação física e técnica do ídolo, acrescentada de aulas de inglês e de tecnologia. Os atletas treinam no contraturno da escola e também ganham uniformes, alimentação e apoio nos campeonatos.

Davizinho em ação nas ondas de La Jolla ano passado, palco do  mundial de surf adaptado, onde ficou com o vice-campeonatoo. Foto: Sean Evans/ISA.