As disputas do J-Bay Open foram adiadas nesta sexta-feira devido às ondas que perderam tamanho e intensidade em Jeffreys Bay, África do Sul. Uma chamada até foi marcada para às 12h30 no horário local (7h30 no horário de Brasília), mas a WSL decidiu decretar day off.

“Infelizmente não vimos muita ação nas últimas duas horas. Não estamos vendo aquele balanço significante que estávamos esperando. Não vamos promover nenhuma bateria hoje. Estaremos de volta amanhã e espero que o swell ganhe força durante a noite”, falou Kieren Perrow, comissário da da WSL.

A próxima chamada acontece neste sábado, às  duas horas pelo horário de Brasília, e a previsão é que um swell médio de sul/sudoeste ganhe força, diminuindo no decorrer do domingo. Agora  restam oito confrontos para a finalização do Round 3, sendo dois 100% brasileiros: Filipe Toledo pega Miguel Pupo na nona e Caio Ibelli enfrenta Wiggolly Dantas na penúltima bateria. Já Alejo Muniz está na sétima contra Matt Wilkinson,  logo em seguida Gabriel Medina encara Adam Melling e  Adriano de Souza vem na última contra Davey Cathels.

ROUND 3 – BATERIAS QUE FICARAM PENDENTES

5.a: Sebastian Zietz (HAW) x Michel Bourez (TAH)

6.a: Matt Wilkinson (AUS) x Alejo Muniz (BRA)

7.a: Gabriel Medina (BRA) x Adam Melling (AUS)

8.a: Julian Wilson (AUS) x Joel Parkinson (AUS)

9.a: Filipe Toledo (BRA) x Miguel Pupo (BRA)

10.a: Mick Fanning (AUS) x Kanoa Igarashi (EUA)

11.a: Caio Ibelli (BRA) x Wiggolly Dantas (BRA)

Enquanto o restante das baterias da terceira fase não caem na água, confira o desempenho dos brasileiros no segundo dia de competições em Jeffreys Bay. Também leia a matéria completa do dia de ontem clicando aqui.

Jadson Andre’s 9.13

Filipe Toledo Flies at J-Bay

Wiggolly Dantas Breaks Out Backhand at J-Bay

Gabriel Medina Is On Fire