“JOHN JOHN BRASILEIRO” RECEBE APOIO DO TÉCNICO DO CAMPEÃO MUNDIAL

Por causa da semelhança com o surfista havaiano, Fernando John John carrega apelido do principal rival de Gabriel Medina na busca pelo bi mundial. Mas, nessa briga, sua torcida é pelo brasileiro.

Fernando John John durante a disputa do QS de Maresias. Foto: Danilo Sardinha/GloboEsporte.com

A 11ª bateria da primeira fase do QS de Maresias estava prestes a começar nesta quinta-feira quando os surfistas foram anunciados pelo alto-falante: Alex Lima, Wesley Santos e Fernando John John. O apelido do terceiro competidor, claro, chama atenção.

John John Florence é o rival direto de Gabriel Medina na briga pelo título mundial de 2017. Mas aqui estamos falando de outro John John. Brasileiro, 16 anos e, entre torcer por Medina e o John John havaiano, ele não tem dúvida: torce pelo nosso primeiro campeão mundial.

Fernando ganhou apelido por causa da semelhança com John John Florence . Foto: Danilo Sardinha/GloboEsporte.com.

Fernando ganhou apelido por causa da semelhança com John John Florence . Foto: Danilo Sardinha/GloboEsporte.com.

Fernando John John é natural de São Sebastião e treina no Instituto Gabriel Medina na praia de Maresias. A semelhança física com John John Florence foi o motivo para o apelido.

“A galera começou a me chamar de John John. Foram chamando tanto que acabou pegando e coloquei no meu nome. Ficou Fernando John John nas competições e pegou. Acho legal! Mas a minha torcida mesmo para o Gabriel. Sou fã dele desde pequeno. Minha torcida é para ele na disputa pelo título mundial. Torço muito. Ele é meu ídolo. É demais!”, contou o jovem surfista de 16 anos.

O atleta recebe orientações de Charles e de outro técnico do Instituto antes de entrar na água. Foto: Danilo Sardinha/GloboEsporte.com

O atleta recebe orientações de Charles e de outro técnico do Instituto antes de entrar na água. Foto: Danilo Sardinha/GloboEsporte.com

Além de ser aluno do IGM, Fernando John John tem outra semelhança com Gabriel Medina. Charles Saldanha, padrasto e treinador de Medina, sempre dá orientações para o garoto.

Antes da bateria desta quinta-feira, por exemplo, ele conversou com John John antes do jovem entrar na água.”O Charles me treina desde pequeno. Ele pagou uma inscrição do sebastianense. Daí ele veio me assistir um campeonato municipal. Depois, comecei a ficar amigo dele, ele passou a me dar prancha, dicas…”, comentou o atleta.

Fernando John John disputou a primeira fase do QS 3000, realizado a partir desta quinta em Maresias, e foi eliminado. O jovem surfista começou a competir campeonatos profissionais neste ano e destaca a importância de participar de eventos como esse: “É uma experiência poder competir com os melhores aqui. Estou bem focado para, no ano que vem, competir bem em algumas etapas no circuito QS”.

Fernando John John com Charles Saldanha, padrasto e treinador de Gabriel Medina. Foto: Danilo Sardinha/GloboEsporte.com.

Fonte: globoesporte.globo.com