TUDO PRONTO PARA OS DUELOS DO RDS PRO JR NA GUARDA DE EMBAÚ

Evento idealizado por Adriano de Souza para homenagear o surfista Ricardo dos Santos vai definir o campeão e a neste fim de semana em Santa Catarina. 51 meninos e 18 meninas disputam título inédito e vaga para final do Mundial Pro Junior na Austrália.

Poster do RDS Pro Jr, evento em homenagem o surfista Ricardo dos Santos. Foto: Divulgação.

Confira aos vivo as disputas do RDS Pro Junior direto da Guarda do Embaú, clicando AQUI!

Já está tudo pronto para a largada do RDS Pro Jr!  O futuro do surf na América do Sul vai se apresentar neste fim de semana na paradisíaca Guarda do Embaú, em Palhoça, Santa Catarina. Mais de cinquenta surfistas e vinte meninas com até 18 anos de idade, já confirmaram participação no evento idealizado pelo campeão mundial Adriano de Souza, com apoio de Yago Dora e Lucas Silveira, para homenagear o surfista Ricardo dos Santos, um dos melhores tube riders do mundo. As eliminatórias começam amanhã, sexta-feira, e no domingo serão decididos os títulos sul-americanos Pro Junior Sub-18 de 2017 da WSL South America.

Tainá Hinckel, de apenas 14 anos, pode conquistar o bicampeonato. Foto: Divulgação/Mormaii.

Os campeões do ano passado foram definidos numa etapa igualmente única disputada no Peru. O paulista Weslley Dantas já estourou o limite de idade e não vai defender o título, mas a catarinense Tainá Hinckel, de apenas 14 anos, pode conquistar o bicampeonato e até igualar um feito único da paraibana Diana Cristina, tricampeã em 2008, 2009 e 2010. Tainá mora na Guarda do Embaú, sempre foi incentivada pelo próprio Ricardinho a seguir carreira no esporte e vai competir em casa, onde aprendeu a surfar.

“Estou em um ano muito feliz. Eu competi na etapa do WCT, o Oi Rio Pro em Saquarema,  pela primeira vez e também disputei as finais do Mundial da ISA no Japão. Então, quero completar essa sequência com a classificação para o Mundial Pro Junior da WSL. Não será fácil, porque as outras meninas virão com força total, mas vou competir em casa, pois sou catarinense e já surfei muito na Guarda”, falou Tainá.

Luara Thompson. Foto: Divulgação/ISA.

Dezoito surfistas já estão confirmadas para disputar o título feminino, entre as treze brasileiras, algumas das principais concorrentes de Tainá Hinckel são Yanca Costa, Luara Thompson, Carol Bonelli, Julia Camargo e Maju Freitas. Já as cinco inscritas de outros países são a peruana Sol Aguirre e as argentinas Abril Solis, Bianca Schipani, Catalina Mercere e Flavio Cianciarulo.

Os argentinos também formam o maior pelotão estrangeiro na categoria masculina com cinco participantes: José Gundesen é o principal nome, Andres Mondo Prados, Juan Cruz Ruggiero, Bautista de Abajo e Uriel Sposaro. O chileno Gustavo Dylan Dvorquez e o peruano Jhonny Guerrero, também confirmaram presença no evento para enfrentar os 45 brasileiros que já estão inscritos para competir na Guarda do Embaú.

323777_739827__vicente Lucas Vicente. Foto: Foto: Luiz Paulo.

Entre os jovens adolescentes, são vários surfistas com potencial para conquistar o título sul-americano Sub-18 da WSL South America no RDS Pro Junior. Nomes como o catarinense Mateus Herdy, os paulistas Samuel Pupo, Lucas Vicente, Daniel Adisaka, o cearense Cauã Costa, o gaúcho Gustavo Borges, o saquaremense João Chianca, o carioca Pedro Dib, o potiguar Mateus Sena, já conquistaram vitórias importantes nas categorias de base e podem ser apontados como fortes concorrentes ao troféu de melhor surfista Pro Junior da América do Sul.

Outros frandes nomes nacionais também estão confirmados para o evento, Daniel Templar, Wallace Vasco e Eduardo Motta.  “Isso mostra a importância que o RDS Pro Jr. já alcançou antes e um bom sinal, já que com inscritos desse nível nós teremos um grande campeonato”, completa Felipe Borges, um dos organizadores do evento ao lado de Adriano de Souza e Leandro Dora.

Eduardo Motta. Foto: Divulgação.

Além de definir os campeões da WSL South America, o RDS Pro Junior também vai definir a equipe sul-americana para disputar o título mundial no World Surf League Junior Championship 2017. Serão classificados os quatro primeiros colocados na categoria masculina e as duas finalistas da feminina. Este evento será disputado no início de janeiro de 2018 na Austrália.

OS TREINOS na Guarda do Embaú  RUMO Ao troféu do RDS Pro Jr.

Única seletiva sul-americana para o Mundial de Pro Junior, que acontece em janeiro na Austrália, a nova geração de jovens estrelas do surf  treinaram forte na reserva mundial da Guarda do Embaú, palco do evento.

O catarinense Mateus Herdy. Foto: Foto: Luiz Paulo.

“As ondas daqui são muito boas e, definitivamente, aqui é o lugar perfeito para decidir quem vai representar a América do Sul no Mundial. No ano passado fui para o Mundial ao ficar em segundo em San Bartolo; tão importante quanto ganhar é classificar para o Mundial, que é um evento muito especial e reúne só os melhores”, disse Mateus Herdy, que foi um dos classificados sul-americanos para o Mundial de Pro Jr. em 2016.

Quem também participou da seletiva do ano passado, mas nunca competiu na Guarda é Samuel Pupo, uma das estrelas da turma e que competiu como convidado a etapa de Bells Beach do WCT. “Feliz em estar aqui na Guarda pra disputar essa seletiva. É a primeira vez que vou competir e a segunda vez surfando. No ano passado eu fiquei em quinto, bati na trave, e neste ano espero conseguir a vaga”, falou Pupo.

O paulista Samuel Pupo. Foto: 

Mas não foram só os novatos que caíram na água, os locais também foram treinar. Este foi o caso de Tainá Hinckel, campeã sul-americana e nativa da Guarda. “Claro que poder estar em casa ajuda, mas não quero contar vantagem nisso. Com certeza é muito bom poder treinar todo dia na vala do campeonato. Quero poder levar esse troféu em homenagem ao Ricardo que foi como um irmão para mim”, disse.

Além dos treinos, a quinta-feira foi o dia de a molecada conhecer os objetos de desejo: os troféus do RDS Pro Jr., esculpidos pelo artista Luiz Rosas, o Lula. “Irado o troféu. Representa toda a natureza da Guarda e o espírito do Ricardinho. Vou lutar muito para ter ele”, comentou Lucas Vicente, outra estrela da competição e melhor brasileiro no mundial da ISA, em quarto.

RDS Pro Jr. evidencia qualidade da nova safra do surf feminino

A lista de inscritos para a disputa entre as meninas é de tirar o chapéu. A nova e promissora geração do surf feminino brasileiro será representada quase que em sua integralidade na única seletiva sul-americana para o Mundial de Pro Jr.

Louise Frumento é atual campeã brasileira Sub-18. Foto:  Divulgação/Simone Fernandes.

Louise Frumento é atual campeã brasileira Sub-18. Foto: Divulgação/Simone Fernandes.

A relação de grandes talentos é de tirar o chapéu! Tainá Hinckel é campeã brasileira Sub-18 em 2016, disputou as finais do ISA, o WCT no Rio e possui apenas 14 anos de idade; Louise Frumento é atual campeã brasileira Sub-18; Rafinha Coelho conquistou o brasileiro Sub-12 em 2016 e Carol Bonelli foi campeã do Circuito ASM Medina em 2016

Além delas, Manu Pacheco tem no currículo o bicampeonato catarinense; já Maju Freitas tem o carioca sub-16; Julia Camargo foi vice-campeã do circuito ASM Medina de 2016; Yanca Costa, vencedora da primeira etapa do carioca sub-18; Luara Thompson, campeã brasileira amadora, e Yasmin Dias completam a primeira relação de inscritas.

Divulgada a lista das primeiras baterias masculinas e femininas marcadas para amanhã
Troféu do vencedor do RDS Pro. Foto: Divulgação.

Troféu do vencedor do RDS Pro. Foto: Divulgação.

Nesta quinta-feira, 12 de outubro, foi divulgada a lista das primeiras baterias masculinas e femininas marcadas para iniciar amanhã na reserva mundial de surf.

No total, 69 jovens competidores com menos de 18 anos de idade foram inscritos e concorrerão pelo troféu esculpido pelo artista local Luiz Rosas, pela premiação em dinheiro e pela bolsa integral de ensino à distância oferecida pela Estácio.: 51 meninos e 18 meninas, sendo que seis delas terão de passar por uma pré-classificação, nas quais as quatro melhores se unem às outras 12 nas oitavas de final.

A lista de inscritos também mostra quatro países representados na competição, única seletiva sul-americana para as finais do Mundial de Pro Junior: Brasil, Argentina, Peru e Chile, sendo que, dos 69 inscritos, dez não são brasileiros, o que não diminui a qualidade dos estrangeiros presentes.

Confira abaixo a lista completa dos confrontos:

Masculino

Round de 64

Bateria 1: Mateus Herdy (BRA) x Arthur Cerqueira (BRA) x Daniel Adisaka (BRA)
Bateria 2: Sposaro Uriel (BRA) x Eduardo Motta (BRA) x Jhonny Guerrero Yauri (PER) x Bautista De Abajo (ARG)
Bateria 3: Juan Ruggiero (ARG) x Valentin Robinson (BRA) x Eric Monteiro
Bateria 4: Fernando Junior (BRA) x João Godoy (BRA) x Ryan Kainalo (BRA)
Bateria 5: Pedro Dib (BRA) x Ryan Cordeiro (BRA) x Anderson Junior (BRA)
Bateria 6: Leo Casal (BRA) x Henrique Swell (BRA) x Gustavo Dvoerquez (CHL)
Bateria 7: Lucas Vicente (BRA) x Tayrom Da Silva (BRA) x Guilherme Vilas Boas (BRA)
Bateria 8: Ian Casal (BRA) x Leonardo Berbet (BRA) x Kauê Germano (BRA)
Bateria 9: Samuel Pupo (BRA) x Ihgor Santana (BRA) x Lucas Silva (BRA)
Bateria 10: Leonardo Barcelos (BRA) x Andre Esmeraldino (BRA) x Artur Romão (BRA) x Kainan Meira (BRA)
Bateria 11: Mateus Sena (BRA) x Gustavo Borges (BRA) x Cauã Costa (BRA)
Bateria 12: Vitor Ferreira (BRA) x Heitor Duarte (BRA) x Geovanny Alves (BRA)
Bateria 13: João Chianca (BRA) x Guilherme Marques (BRA) x Diego Aguiar (BRA)
Bateria 14: Daniel Templar (BRA) x Wallace Vasco (BRA) x Vinícius Parra (BRA) x Joel Dantas (BRA)
Bateria 15: Jose Gundese (ARG) x Fabio Martins (BRA) x Hedieferson Junior (BRA)
Bateria 16: João Corsetti (BRA) x Patrick Plachi (BRA) x Renan Hanada (BRA)

Feminino

Round de 20

Bateria 1: Luara Thompson (BRA) x Abril Solis (ARG) x Isabela Saldanha (BRA)
Bateria 2: Yasmin Dias (BRA) x Manuele Pacheco (BRA), Leticia Cavalcante (BRA)

Round de 16

Bateria 1: Tainá Hinckel (BRA) x Flavia Cianciarulo (ARG) x Yanca Costa (BRA) x vencedora da bateria 1 do Round de 20
Bateria 2: Rafaela Coelho (BRA) x Ariela de Andrade (BRA) x Julia Martins (BRA) x 2ª colocada da bateria 1 do Round de 20
Bateria 3: Louisie Frumento (BRA) x Carol Bonelli (BRA) x Maju Freitas (BRA) x vencedora da bateria 2 do Round de 20
Bateria 4: Catarina Mercede (ARG) x Sol Aguirre (PER) x Bianca Schipani (ARG) x 2ª colocada da bateria 2 do Round de 20

Confira aos vivo as disputas do RDS Pro Junior direto da Guarda do Embaú, clicando AQUI! 

Cartaz do evento.

Cartaz do evento.

Para mais informações, sigam as redes sociais do RDS Pro Jr nos endereços abaixo:

https://www.facebook.com/rdsprojunior/ 
https://www.instagram.com/rdsprojunior/ 
O RDS Pro Jr. tem o patrocínio de Min13rinho, G8 Sports, HD, Estácio, AprimoreSurf, Yago Dora, Lucas Silveira e o apoio de Fecasurf, ASPG, Naipe, Produção Salva Surf Resgate e Prefeitura de Palhoça.