TÉCNICO E PADRASTO DE MEDINA É SUSPENSO DA WSL

A World Surf League anunciou nesta segunda-feira a suspensão de Charles Saldanha, padrasto e treinador de Gabriel Medina. O motivo foi uma discussão com a comissão técnica durante a etapa portuguesa do Tour, na última temporada. (Em destaque: Gabriel Medina em ação em Portugal . Foto: Cestari/WSL)

Medina com seu padrasto durante a etapa portuguesa do WCT ano passado, onde aconteceu o incidente. Foto: Cestari/WSL.

Segundo a WSL, Charles teria se desculpado e colaborado com os juízes para que o incidente fosse apurado. A suspensão começou o último mês de outubro e vai até abril deste ano. Com a decisão, ele não poderá ter acesso ao palanque nas primeiras etapas do Championship Tour na Austrália.

“Lamento pelas minhas atitudes em Portugal no último mês de outubro., Esse não é o tipo de pessoa que me esforço para ser e não reflete os valores da minha família. Era parte intensa da temporada e eu respondi mal a isso. Quero pedir desculpas à WSL, aos funcionários e apoiadores dessa comunidade. Este esporte deu tudo à minha família e continua a oferecer uma plataforma para os melhores surfistas do mundo. Boa sorte a todos nesta temporada”, finalizou Charles.