TIME BRASILEIRO CONTINUA AVANÇANDO NO ISA WORLD SURFING GAMES

Elivelton Santos e Wesley Dantas garantem vaga no Round 4 da competição, mas Ian Gouveia se despede do ISA World Surfing Games nas ondas de Biarritz.

Após um dia sem disputas em Biarritz, as baterias do ISA World Surfing Games voltaram a cair na água nesta sexta-feira, com três dos quatro surfistas da equipe brasileira passando de fase na competição. Elivelton Santos e Wesley Dantas garantiram vaga no Round 4. Já Raoni Monteiro brilhou no Round 2 e  avançou deixando em segundo o local ​Jeremy Flores, integrante do WCT.  Mas o ponto negativo hoje para o Brasil foi a eliminação do também surfista do WCT Ian Gouveia numa das últimas baterias do dia, com um mar mexido e muito vento maral. Além deles, a equipe conta com Vitor Ferreira, como reserva.

Wesley Dantas. Foto: Sean Evans/ISA.

A competição segue até este domingo, 28/05, ainda com as baterias dos Rounds 4 e 5, semifinal e final. Mas a expectativa maior será amanhã, sábado, com o confronto que terá três brasileiros no Round 4: campeonato: Elivelton Santos, Wesley Dantas e Pedro Henrique, que corre por Portugal.

“Vai ser uma bateria pedreira e mais uma grande experiência para mim. Estou muito concentrado, mantendo o foco, e vou pra cima. Se vier a onda vou até o final e não vou desistir!”, falou Elivelton sobre a bateria.

DESTAQUE BRASILEIRO NESTA SEXTA EM BIARRITZ

Raoni Monteiro. Foto: Ben Reed/ISA.

O grande destaque desta sexta-feira foi Raoni Monteiro. O surfista de Saquarema começou sua bateria com uma onda média, mas acabou achando uma excelente esquerda que, muito bem surfada, lhe rendeu um 8,50, liquidando a fatura e mandando o surfista local e WCT Jeremy Flores para a segunda posição. No somatório, o brasileiro obteve 14,83, contra 13,83 do francês. Raoni tentará agora uma vaga no Round 4 neste sábado.

Raoni. Foto: Ben Reed/ISA.

Raoni. Foto: Ben Reed/ISA.

“Estou muito feliz. Já competi muito com o Jeremy. Ele é um grande surfista, super difícil de bater. As ondas estão melhores hoje, maiores do que ontem. A bateria foi boa. Ele está representando a França do melhor jeito possível, e eu representando o Brasil com tudo que posso também. No começo, peguei umas ondinhas não muito boas, mas no final remei pro outro lado, com a orientação do time, e consegui surfar melhor, fazer o que sei. Quero agradecer mais uma vez o convite por estar aqui”, vibrou Raoni, que integrou o WCT por oito temporadas e foi convidado para participar do ISA Games no lugar de Wigolly Dantas, lesionado.

Ainda nesta sexta-feira, mas já pelo Round 3, Elivelton Santos voltou a ter um ótimo desempenho em sua bateria e somou 13,00 pontos, ficando na segunda colocação, logo atrás do português Guilherme Fonseca. E Wesley Dantas também fechou em segundo na sua bateria do Round 3 (11, 93) contra Ariihoe Tefaafana, do Tahiti, que ficou em primeiro, somando 13,40. “Passei mais uma bateria, o Brasil está com tudo. Continuem torcendo por nós que estamos fazendo o nosso melhor aqui em Biarritz!”, disse Wesley.

Elivelton Santos. Foto: Sean Evans/ISA.

Já Ian Gouveia, que até começou bem o dia, passando pelo Round 2, enfrentou uma verdadeira loteria na terceira rodada do evento numa bateria de 15 minutos com muito vento maral, quando já escurecia em Biarritz. Ian acabou eliminado da competição na última onda, ficando com a terceira colocação entre os quatro surfistas participantes.

CONFIRA AO VIVO O  ISA WORLD SURFING GAMES CLICANDO AQUI.

Próximos confrontos dos brasileiros
Round 3

Bateria 111

Miguel Blanco – POR

Jonas Bachan – AUT

Raoni Monteiro – BRA

Israel Barona – ECU

Round 4 

Bateria 113

Jhony Corzo – MEX

Elivelton Santos – BRA

Pedro Henrique – POR

Wesley Dantas – BRA